• Brasil Solar

Retorno global do investimento em energia renovável é 7 vezes maior do que os combustíveis fósseis

Painéis fotovoltaicos em uma estação de energia solar na China, julho de 2018.

O investimento em energia renovável continua a superar o feito em combustível fóssil em todo o mundo, de acordo com as pesquisas mais recentes. Isso fornece um forte sinal em relação ao declínio do investimento em combustíveis fósseis. Dado que a IRENA (Agência Internacional de Energia Renovável) projetou que para atingir as metas do Acordo de Paris exigirá US$ 4,4 trilhões por ano em energia de baixo carbono, isso só pode ser positivo para atingir as metas de 2050.


Como as energias renováveis superam os combustíveis fósseis


A energia renovável tem um perfil de risco / retorno superior aos combustíveis fósseis, tanto em períodos de volatilidade quanto em condições normais. De acordo com o relatório “Investimentos em energia limpa: comparação global de retornos de investimentos”, os portfólios de energia renovável listados superaram os de combustíveis fósseis listados em todos os mercados e que o custo do capital permanece mais baixo para as empresas de energia renovável do que para as de combustíveis fósseis.


O relatório recém-publicado pelo Centro de Finanças Climáticas da Imperial College Business School e da Agência Internacional de Energia afirma que a energia renovável gerou retornos totais significativamente maiores nos últimos dez anos, de 422,7% contra 59% para os combustíveis fósseis ou mais de sete vezes o retorno. Em cinco anos, o desempenho é inferior, mas ainda mais de três vezes superior ao dos combustíveis fósseis. A volatilidade anual foi menor do que os portfólios de combustíveis fósseis nas economias globais e avançadas e maior do que os portfólios de combustíveis fósseis na China e mercados emergentes e economias em desenvolvimento.


Os resultados mostram um perfil de risco / retorno superior para projetos de energia renovável em ambas as condições típicas de mercado e durante desequilíbrios econômicos globais. Isso aconteceu por uma série de razões: em primeiro lugar, o portfólio global de energias renováveis está menos relacionado ao mercado mais amplo do que os combustíveis fósseis; em segundo lugar, a correlação existente caiu durante a recente crise econômica, destacando o potencial para oportunidades de diversificação; a recente volatilidade econômica resultou na deterioração dos fundamentos do setor de energia – com as energias renováveis mostrando maior resiliência.


Essa é uma tendência que provavelmente continuará à medida que um número crescente de países definem zerar as emissões líquidas de carbono até 2050, e uma preocupação crescente entre os investidores e o público sobre os impactos negativos da geração de energia. O risco climático, tanto físico quanto em termos de possibilidades de política – especialmente em torno de um imposto sobre o carbono – só afetará ainda mais o setor. Mas ainda há um longo caminho a percorrer.


O investimento em energias renováveis ​​ainda está atrasado

O Dr. Charles Donovan, diretor executivo do Centro para Finanças e Investimentos Climáticos da Imperial College Business School disse: “Nossa pesquisa demonstra que em todo o mundo a energia renovável superou os combustíveis fósseis. É a mesma história há mais de uma década, mas o investimento total ainda está atrasado. Os reguladores nacionais, especialmente nos Estados Unidos, devem começar a trabalhar nas reformas necessárias para nivelar a situação para os investidores em energia limpa.”


Há menos capital no setor de energia renovável e muitos investidores têm apenas parte de seu portfólio no setor. Isso claramente limita o escopo da pesquisa, assim como as variações no tamanho da amostra entre as regiões, menor capitalização de mercado e liquidez para empresas renováveis. Essa falta de capital também levanta a preocupação de se o investimento pode ser realinhado com rapidez suficiente para atingir as metas de 2050.

Tim Gould, chefe da divisão de perspectivas e investimentos no fornecimento de energia da Agência Internacional de Energia, afirmou: “Este relatório aponta benefícios financeiros claros de investir em transições de energia limpa, um passo importante para mobilizar níveis mais altos de investimento dos mercados de capitais. Mas muito mais ainda precisa ser feito para vincular as fontes de financiamento sustentável às áreas de maior necessidade, especialmente em mercados emergentes e economias em desenvolvimento.”


O investimento em energia precisa de realinhamento


A IRENA alertou na semana passada que os investimentos no setor de energia precisarão ser realinhados para atingir as metas de 2050. Em seu relatório “Perspectiva da Transição da Energia Mundial: Caminho de 1.5ºC” divulgado em março, a agência disse que o mundo precisaria mudar os investimentos em energia para alternativas de baixo carbono se quiser atingir suas metas para 2050. Isso significaria não apenas um aumento de 30% dos fluxos de investimento atuais, mas uma mudança dos padrões de investimento existentes – exigindo um total de US$ 131 trilhões até 2050, ou um investimento anual de US$ 4,4 trilhões.

Esses fundos precisarão ser investidos não apenas em energias renováveis, mas em outras tecnologias de energia com baixo teor de carbono e nas tecnologias facilitadoras que sustentam a transição energética. Isso inclui eficiência energética, eletrificação de uso final, redes de energia, inovação em flexibilidade (hidrogênio) e medidas de remoção de carbono. No cenário de 1,5°C, a produção de combustível fóssil deve diminuir em mais de 75% até 2050, com o consumo total de combustível fóssil diminuindo continuamente de 2021 em diante. O relatório também disse que, em antecipação à transição energética que se aproxima, os mercados financeiros e os investidores já estão direcionando o capital dos combustíveis fósseis para outras tecnologias de energia, incluindo as renováveis.




Ficou interessado em produzir sua própria energia? Faça seu orçamento sem compromisso! Entre em contato com a Brasil Solar através do Telefone: (37) 3469-0405 WhatsApp: (37) 9 9100-0448

Fonte: Forbes

2 visualizações0 comentário
Siga-nos
Contatos
(37) 3469-0405
(37) 9 9100-0448
Onde estamos
Rua São Paulo, 48 - São José
Pará de Minas/MG
  • Instagram
  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Social Icon